5 funcionalidades essenciais que um sistema ERP precisa ter

Home / Dicas de gestão / 5 funcionalidades essenciais que um sistema ERP precisa ter

As funcionalidades do sistema de gerenciamento empresarial (Enterprise Resource Planning — ERP) remodelaram a maneira de fazer controle de estoque, operações financeiras, fluxos de trabalho e outras obrigações típicas de qualquer empreendimento.

Mesmo as pequenas e médias empresas (PMEs) estão aderindo a esse tipo de tecnologia a fim de aumentar a competitividade — diferencial que separa as companhias vencedoras daquelas que estão estagnadas.

No entanto, antes de fechar negócio com qualquer fornecedor, é preciso conhecer as funcionalidades do sistema ERP que não podem ficar de fora de uma contratação. Neste post, reunimos algumas delas. Confira!

1. Emissão de notas fiscais

Nosso país é um dos campeões no quesito burocracia. Essa realidade faz que, geralmente, as atividades de geração e emissão de notas fiscais sejam muito demoradas e complexas — e isso prejudica o desempenho das negociações.

Quando a empresa utiliza um sistema ERP especializado, esse procedimento fica mais fácil, pois basta incluir os dados fiscais uma vez e registrar todas as operações. Depois, o programa se encarrega de executar todos os trâmites necessários em suas emissões.

2. Emissão automática de boletos bancários

A emissão de boletos bancários é crucial para qualquer negócio, já que diminui o tempo gasto com esse tipo de tarefa. Além disso, alguns softwares permitem que o sistema faça a intermediação entre a geração da fatura e as instituições bancárias, o que automatiza quase todo o processo.

3. Gestão de estoque

O controle de estoque é uma operação que monitora o fluxo de materiais da empresa, bem como avalia e prevê as demandas de compras futuras. Trata-se de um recurso de grande importância dentro da cadeia de suprimentos e, por isso, deve ser administrado com precisão para evitar prejuízos.

A quantidade de mercadorias deve ser muito bem calculada para que não faltem nem sobrem itens em estoque por exageros ou sazonalidades. Felizmente, uma das funcionalidades do sistema ERP é esse controle, que fornece as informações necessárias para que os responsáveis pela logística tenham embasamento para as estratégias de gerenciamento.

Com esse apoio, é possível aumentar a produtividade do setor, diminuir custos graças à gestão mais eficiente do estoque e, além disso, redirecionar verbas que eram gastas desnecessariamente, de forma a melhorar as atividades como um todo.

4. Gestão financeira

Opte por um ERP que automatize e agilize a gestão financeira do empreendimento. É isso que garante um controle mais efetivo do fluxo de caixa e das contas a pagar e a receber.

Os melhores softwares garantem o alinhamento e a atualização imediata das normas inerentes a operações financeiras. Assim, simplificam o acesso a informações estratégicas e ampliam a visibilidade gerencial, além de diminuir incidências graves, como erros humanos e multas.

5. Segurança das informações

Os dados guardados no sistema devem ser armazenados na nuvem. Dessa forma, a empresa tem mais controle e segurança das informações, visto que algumas delas podem ser confidenciais (dados pessoais de clientes) ou estar sujeitas à fiscalização pelos órgãos fazendários (notas fiscais).

Com um ERP que ofereça essa tecnologia, não é preciso se preocupar com backups manuais nem com armazenamento de arquivos no computador. Caso a máquina dê defeito, a companhia não perde as informações obtidas. Sem contar que também é possível ter acesso aos dados a qualquer hora e de qualquer lugar desde que se tenha uma conexão com a internet.

Se essas funcionalidades do sistema ERP forem levantadas durante a pesquisa, você certamente encontrará a melhor marca para fechar negócio. Com isso, é possível ter um sistema que torne as operações de rotina mais ágeis e eficientes.

E aí, gostou deste conteúdo? Então, entre em contato conosco para saber como nosso ERP pode ajudá-lo. Será um prazer atendê-lo!

Comentários(0)

Deixe um Comentário