Uma pesquisa realizada pelo órgão de Satisfação de Clientes indica que, no Brasil, cerca de 85% das empresas nunca fizeram um pós-venda. Ao mesmo tempo, investem muito na captação de clientes novos.

Em contradição, Philip Kotler, um grande especialista do setor de marketing, afirma que conquistar novos clientes é entre 5 ou 7 vezes mais caro do que fidelizar outros consumidores e realizar novas vendas.

Com esse cenário, o pós-venda se tornou um tema frequente nas empresas de locação. Existem dúvidas sobre se vale a pena a ação e como realizar um bom pós-venda, agradando os clientes e garantindo ótimos resultados. Para entender como preparar ou melhorar o pós-venda, confira nossas dicas!

Comece pela venda

O pós-venda na locação é referente ao momento em que o fornecedor e cliente oficializam o contrato. Esse contrato define quais produtos serão alocados para uso do contratante, qual o tempo esperado, se há serviços inclusos ou não e outras informações relacionadas.

Assim, se a venda não é certeira, não adianta investir em um pós-venda para ações que não fazem sentido logo no início. Dessa maneira, para realizar uma venda e pós-venda personalizada e vantajosa para o cliente, opte por passos como:

  • pesquisa sobre as necessidades gerais, entendendo quem é o cliente, porque precisa da locação de equipamentos, quais os itens solicitados, como funciona a demanda etc.;
  • personalização e sugestão de equipamentos adequados;
  • apresentação de propostas que gerem resultados verdadeiros;
  • soluções propostas antes que os possíveis problemas do cliente ocorram.

Além dessas ações para a venda em si, demonstre uma relação justa ao apresentar os prós e contras de cada produto de maneira honesta. Essa relação inicial é importantíssima para um pós-venda que faça diferença na experiência do cliente e o incentive a retomar as locações com a empresa.

Crie um planejamento com o cliente

Após a venda, uma possibilidade é se juntar com o cliente e definir um planejamento de uso dos equipamentos alugados. Esse planejamento vai garantir o manuseio correto de cada item, ajuda o usuário a entender as mudanças de processos e, ainda, auxilia na visualização de melhoria dos resultados a partir da locação.

Para isso, conheça as demandas do consumidor, sua periodicidade, as necessidades com a locação. A partir disso, mostre como o equipamento alugado influencia positivamente nas entregas do cliente e nos parceiros que têm relação com o negócio.

Esteja pronto para outros planos de ação

Manter-se disponível é muito importante para que o cliente dê credibilidade para a empresa. Apenas realocar o equipamento e não oferecer apoio na hora do uso, se houver algum problema ou mesmo caso haja dúvidas, é um grande problema, gerando frustração para o consumidor.

Assim, uma possibilidade é investir em treinamentos para as equipes de atendimento. Oferecer canais acessíveis de comunicação entre as pontas e estar preparado para planos de ação que não foram previstos no início do contrato.

Não há porquê, por exemplo, não mandar outro produto em caso de manutenções e problemas. Deixar de oferecer consultoria ou treinamento para o uso ou reestruturar o plano de ação e contrato se houver mudanças nos objetivos do cliente.

Receba feedbacks construtivos

Os feedbacks ajudam a qualificar os trabalhos da empresa e a oferecer melhores experiências para o usuário. No pós-venda, realizar pesquisas de satisfação, conversar com o cliente e receber críticas construtivas fazem parte do processo. Assim, ajuda a oferecer cada vez mais qualidade para o consumidor e mostra que a opinião dele é importante.

Uma última dica é testar formulários de pesquisa, ligações e possibilidades que ajudam a receber feedbacks, direcionando-os para a melhoria recorrente dos serviços.

Gostou das possibilidades de melhoria do pós-venda? Essas dicas fizeram sentido para você? Fale agora mesmo com a Ótimo Gestor e conheça nosso Sistema de Gestão Integrada 100% WEB para Locação de Equipamentos!