5 dicas para apostar na gestão multicanal

Multicanal é uma forma de atender às necessidades do cliente, não importa qual seja a situação em que se encontra. Dessa maneira, a empresa busca nunca perder suas vendas e fortalecer o vínculo entre consumidor e marca. E uma gestão multicanal tem mais chances de ter retornos positivos.  

Imagine, por exemplo: um cliente deseja comprar um produto em sua loja. Porém, está esgotado e não tem mais no estoque físico. A solução, neste caso, está no e-commerce! Basta o cliente acessar o site pelo o smartphone e adquirir o produto que desejava. 

A ideia do multicanal, portanto, é de que ele facilite e reduza a jornada de compra. É um modelo que agrega as duas formas de vendasonline e a física, sendo responsável pela integração entre os dois, principalmente no que diz respeito ao estoque. 

Por isso, deixamos uma lista com 5 dicas para você aderir a gestão de multicanal no seu negócio:  

  1. Estruture o e-commerce e a loja física 

As políticas de pagamento e preços devem ser unificadas entre as plataformas. Os consumidores têm celulares perto deles em todo o momento, então, é fácil fazer uma consulta por preços. Para que não haja problemas, os valores devem estar em concordância em todos os canais.  

Por exemplo, ainda estamos em pandemia e o trabalho continua sendo homeoffice. Imagine que a sua empresa precise de equipamentos tecnológicos – computadores – atualizados. Ao entrar na loja online do Instagram, por exemplo, você vê que o equipamento está com valor de R$ 1.000. Porém, no site esse preço está maior, R$ 2.500.  

Em suma, essa situação pode ser confusa para os clientes e causar um desconforto. Eles não vão saber o preço correto de maneira prática. Ou seja, terão que ligar para a loja e atualmente, facilidade e agilidade é o que mais conta. E as suas plataformas perdem a credibilidade e confiabilidade. 

Além disso, os estoques também devem ser integrados para que haja um maior controle sobre a entrada e saída dos produtos da empresa. Assim, as chances de perder uma venda são diminuídas.  

2. Foco no cliente 

Independentemente de o público-alvo da sua empresa ser mais amplo ou mais focado, o importante é atingi-los de alguma forma pelo seu negócio. Para isso, é necessário usar diversos canais até chegar neles. E-mails promocionais, anúncios em redes sociais e outras plataformas, bem como recomendações, são as principais formas de se chegar ao cliente em potencial. 

Além disso, outro ponto importante é ter um recurso de busca personalizado em seu e-commerce. Assim, os clientes encontram os produtos dentro de sua plataforma de maneira mais prática e rápida, tornando a experiência mais agradável. 

3. Recursos de mobilidade para a gestão multicanal

A tecnologia está à nossa disposição e veio para facilitar a vida de todos. Logo, os recursos de mobilidade são perfeitos para revolucionar a forma como as vendas acontecem, sendo capazes de descomplicar a rotina dos vendedores e dos consumidores, estimulando a superação de metas, diminuição das filasentre outros. 

No caso da locação, trabalhamos com diversas máquinas e muitas vezes a locomoção delas pode ser um problema. Com a gestão de multicanal é essencial pensar numa forma de levar os equipamentos até o consumidor. Ou seja, para eles será muito mais confortável e a sua empresa ganha a confiança do mesmo. 

Imagine todo o processo que o seu cliente teria que passar para retirar um gerador da sua loja. Em suma, seria uma dor de cabeça para ele, sem mencionar a confusão que seria no controle de entrada e saída do seu estoque. 

4. Uso de Big Data na gestão multicanal 

Big Data nada mais é do que o armazenamento e o cruzamento que ajudam na tomada de decisão da compra como, por exemplo, dados cadastrais e preferências de compra do cliente. Dessa forma, é possível criar campanhas e estratégias mais focadas no que os consumidores procuram e, também, é uma maneira de conseguir fidelizar os clientes. 

Imagine a seguinte situação, boa parcela de seus clientes vem da construção civil. Porém essas obras tiveram uma diminuição significativa. Com o Big Data a sua empresa sabe qual o setor que mais compra – depois da construção civil – e qual o equipamento de preferência deles. 

Assim, o seu negócio não deixa de lado as máquinas de construção civil e também não perde vendas. Pois pode visualizar outras oportunidades de vendas dentro dos próprios clientes.  

5. Hegemonia no atendimento no multicanal 

Nenhuma das dicas que demos até agora valem de algo se a empresa não pensar na experiência do cliente. Por isso, o tratamento com o cliente deve ser a mesma tanto no e-commerce quando nas lojas físicas. O empreendedor deve ter em mente que apesar dos multicanais, a empresa é a mesma e deve agir de forma hegemonia. 

Se você chegou até aqui, entendeu a importância do multicanal e como esse método pode ajudar a alavancar as vendas do seu negócio. E com essas dicas não tem como não acertar ao implementar a gestão de multicanal na sua empresa. A ÓTIMO GESTOR oferece um ERP completo de gestão, com funções que auxiliam no controle do negócio. Dessa forma, a gestão consegue atingir os objetivos desejados de forma simples e descomplicada.  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Abrir chat
Precisa de ajuda?
Olá!
Como podemos te ajudar?